Medicina Integrativa - Dr. Thiago Pereira

Medicina Integrativa

Imagem Logo

O que é?

A Medicina Integrativa é uma abordagem orientada para um sentido mais amplo de cura, que visa tratar a pessoa em seu todo: corpo, mente e espírito. É centrada no paciente e enfatiza a relação de confiança e cooperação entre o paciente e o médico. Combina tratamentos convencionais e terapias complementares cuja segurança e eficácia tenham sido cientificamente provadas.

Hoje, a Medicina Integrativa “Integrative Medicine” está presente em mais de 60 (sessenta) centros universitários acadêmicos americanos como: Harvard, Arizona, Massachusetts, Mayo Clinic, Cleveland Clinic, Califórnia, entre outras.

Trata-se portanto de uma medicina personalizada, que lida com a prevenção primária e causas subjacentes das enfermidades, que não trata apenas os sintomas aparentes, mas busca na medida do possível reparar as mudanças intrínsecas que ocorrem no funcionamento (fisiologia) do corpo humano e corrigi-las de preferência antes que se instale a doença, para que o paciente possa ter uma vida longa e saudável.

É uma medicina que busca estratégias preventivas capazes de garantir longevidade e qualidade de vida, por meio do controle e do combate aos fatores de risco, além da otimização metabólica do corpo humano utilizando técnicas da medicina convencional e não-convencional respaldadas por trabalhos científicos.

Imagem Logo Imagem Medicina Integrativa Imagem Logo

Quais são os princípios da Medicina Integrativa?

  • Uma parceria entre o paciente e o médico no processo de cura;
  • Uso apropriado de métodos e terapias oriundos da Medicina Convencional e de Sistemas Médicos Tradicionais para facilitar o processo inato de cura;
  • Consideração de todos os fatores que influenciam a manutenção da saúde e o aparecimento das doenças, incluindo-se o corpo, a mente e o espírito, bem como a comunidade (suporte social);
  • Uso de métodos e terapêuticas naturais, efetivas e não invasivas sempre que possível;
  • Utilização de conceitos cientificamente atestados na promoção da saúde e na prevenção e tratamento das doenças;
  • O estabelecimento de uma abordagem interdisciplinar e transcultural comprometida com o processo de autoconhecimento e desenvolvimento;
  • Reconhecimento que a boa medicina deve ser baseada em boa ciência, devendo ser investigativa e aberta a novos paradigmas;
  • Procura analisar todos os sinais e sintomas do seu paciente, prestando atenção às possíveis relações entre eles e tratando-os sempre que possível em sua totalidade;
  • Objetiva reestabelecer e manter o bem-estar mental e do corpo através das suas práticas e orientações;
  • Ensina e demonstra a importância da adoção de hábitos saudáveis de vida para recuperar, ter e manter saúde.
Imagem Logo Imagem Medicina Integrativa Imagem Logo

Como é a consulta ?

As consultas na Medicina Integrativa fundamentam-se em cuidadosamente ouvir a totalidade das queixas de cada paciente. Costumam durar mais de 1h - cada sinal ou sintoma relatado é importante, mesmo que aparentemente não o seja ou pareça sem relação com os demais. Isto porque todos são utilizados para que o profissional possa construir uma imagem completa do seu paciente levando todas elas em consideração no planejamento da sua abordagem e tratamento.

Vale ressaltar que a medicina convencional é também utilizada, na medida do necessário. Se o caso em questão demanda, são pedidos exames, pareceres de especialistas e feitas prescrições nos moldes tradicionais. A Medicina Integrativa, portanto, visa somar esforços em benefício do paciente e sua saúde e não competir com qualquer forma de conduta ou tratamento vigente. Na prática, complementa a medicina especializada convencional tornando possível uma visão mais completa do indivíduo ao integrar em si o uso de diversas linhagens diagnósticas e terapêuticas, associadas, no intuito de melhor servir à plena restauração e manutenção da saúde de cada paciente.

A abordagem integrativa pode ajudar o paciente não só a melhorar os seus sintomas, mas a encontrar e tratar a raiz do problema, colaborando diretamente na prevenção de doenças. Através da detecção e a correção precoce das deficiências metabólicas, de forma personalizada, com o ajuste do estilo de vida (alimentação, exercícios, sono e equilíbrio emocional), utilizando tratamentos naturais como fitoterápicos e práticas complementares (yoga, meditação, acupuntura, etc), otimização hormonal, nutracêuticos (vitaminas, minerais, antioxidantes) e também através de medicamentos da medicina convencional, pode proporcionar excelentes resultados. Sempre levando em conta a individualidade, preferência e prioridade de cada paciente.


Dúvidas?

Está na dúvida se você pode se beneficiar com a medicina integrativa? Mande uma mensagem para mim (contato@drthiagosilveirapereira.com.br) contando o seu caso que eu esclarecerei suas dúvidas.

Imagem Logo

Dr. Thiago Silveira Pereira Medicina e vida saudável CRM-SC 15061

Realizou o Curso Introdução à Medicina Funcional e Introdução à Nutrição Funcional pelo The Institute for Functional Medicine (IFM); além dos cursos do Kresser Institute e Lifestyle Prescriptions University (EUA);

Realizou pela Harvard Medical School o curso Lifestyle Medicine: Nutrição e Síndrome Metabólica;

Pós-graduou-se em Bases da Saúde Integrativa e Bem-Estar pelo Instituto de Ensino e Pesquisa Albert Einstein;

E ainda o Curso Anual Prático Ambulatorial de Medicina Funcional e Prática Ortomo-lecular com o Dr. Artur Lemos (referência nacional na área) no Rio de Janeiro.

WhatsApp
Enviar